Toggle Nav

Inglês conta como português lhe salvou a vida durante o fogo

Gareth Roberts, de 38 anos, tinha acabado de gozar umas férias em Espanha, quando foi apanhado pelo incêndio, na zona de Leiria, no regresso a Portugal. Do nada, este inglês contou que ficou sem ver nada, pelo fumo e escuridão, enquanto conduzia o carro, ao lado da esposa. Viveu momentos de pânico e, quando já sentia o calor das chamas e o cheiro intenso do fumo, um homem português salvou-lhe a vida, dizendo-lhe para ele entrar para sua casa. Os ingleses nem pestanejaram e entraram logo,na casa de Mó Grande, uma pequena aldeia, uma das mais afetadas.

Gareth contou, em declarações à BBC, que ficaram no piso de baixo da casa, que era o mais fresco, e que continuaram sempre a chegar mais pessoas convidadas a entrar pelo dono da casa, que terá salvo várias pessoas com a sua solidariedade. As chamas foram-se aproximando e chegaram mesmo a entrar pelas janelas, momento em que eles se deitaram no chão, limitando-se a rezar: "Chegou a um ponto que as chamas entraram pelas janelas e deitamo-nos no chão apenas a respirar, rezar e chorar. Não sou religioso, mas naquele momento não podia fazer mais nada". Cerca de uma hora depois, o fogo acalmou naquela zona e eles saíram de casa, para verem um cenário que ele nem consegue descrever, pela total destruição.

Mais do que nunca, Gareth teve a certeza que teria morrido, se não fosse a boa-vontade desse homem, que sem o conhecer, o convidou a entrar. Um agradecimento que Gareth diz que vai ficar para a vida, e que pretende regressar a Mó Grande, para agradecer à família que o salvou.

Fonte: CM
Crédito da foto: CM

Comment this article